A oficina mecânica é um estabelecimento que pode unir a prestação de serviços à venda de peças. Ela representa uma boa oportunidade para o profissional ganhar mais usando o mesmo ponto.

Ainda assim, alguns profissionais se sentem receosos em unificar os dois modelos de trabalho, considerando que podem ter prejuízos com a venda de peças. Mas, a seguir, vamos mostrar como você pode unir serviços e vendas, aumentando o lucro mensal de sua oficina mecânica.

Veja as possibilidades para ganhar dinheiro com a venda de peças de carros mais procuradas!

Pesquise por peças dos modelos de carros mais procurados
Uma dica para não ter prejuízos é adquirir somente peças dos modelos de veículos mais procurados, ou seja, dos tipos de automóveis que são aqueles mais comprados pelos consumidores.

Assim, o profissional aumenta suas chances de venda, já que certamente haverá consumidores em busca de manutenção e reparos. O mecânico poderá não somente realizar os serviços de conserto, como vender as peças necessárias para ele.

Atualmente, muitas montadoras trazem modelos de carros do exterior para comercializar no Brasil, mas não oferecem a manutenção que o consumidor necessita. O profissional de oficina mecânica pode suprir essa carência com seu trabalho de manutenção e venda de acessórios. Nesse sentido, a oficina consegue se destacar no mercado por um diferencial relevante.

Revenda peças de carro de montadoras
Outra boa opção para ganhar dinheiro com peças de carros mais procuradas é se tornando um revendedor autorizado de algumas montadoras.

Ser um revendedor autorizado de uma grande montadora agrega muito valor a sua oficina, atraindo a atenção dos consumidores que possuem carros fabricados pela marca. É uma iniciativa que certamente confere mais credibilidade ao negócio.

Além disso, o profissional terá a oportunidade de ganhar mais dinheiro, considerando que mais clientes vão procurá-lo. Revendedores autorizados são sempre recomendados por grandes lojas de carros.

Abra um comércio eletrônico
Um e-commerce é outra opção para alavancar as vendas de peças de carro de sua oficina. Muitos consumidores adquirem produtos por meio da internet. Dessa forma, o profissional poderá vender em todo o país, se assim desejar.

Os custos de frete cabem ao comprador, mas, sempre que viável, faça uma promoção para reduzir valores. Essa é uma estratégia recomendada para captar mais clientes.

Às vezes, dependendo do nível de vendas do comércio eletrônico, é possível fazer um contrato com a empresa de entregas, visando obter alguns descontos associados a custos de fretes.

Existem também opções de venda de peças de carro online por meio de sites intermediadores, como Mercado Livre e OLX. Porém, nada impede que a pessoa possua uma loja virtual e, ao mesmo tempo, anuncie nesses sites.

O comércio virtual oferece muitas possibilidades. O interessante é explorar essas oportunidades de acordo com o potencial de seu negócio.

Venda as peças de carros mais procuradas
Uma maneira de evitar prejuízos e conseguir ter uma rotatividade alta no estoque é oferecer as principais peças de carros mais procuradas. Isso você pode ver de acordo com a saída e as necessidades do mercado analisadas em sua própria oficina.

Conheça algumas peças que são as que mais são necessitadas para uma manutenção:

Pneus
Quando falamos de direção segura, um dos principais itens a serem analisados são os pneus. Garantir o alinhamento e a calibração é essencial para que eles não sejam um problema futuro. Porém, como qualquer produto, com o tempo eles vão se gastando, sendo essencial a troca quando apresentarem algum volume indevido, furo ou quando estiverem carecas.

Sistema de freios
Considerado por muitos motoristas como a principal peça do automóvel, o sistema de freios é importante quando se fala em segurança no trânsito. Conhecimentos básicos podem levar o cliente a sua oficina apontando algum problema nesse componente:

sons estranhos ao pisar no freio;

vibração no pedal ou no volante ao brecar;

redução da atividade ao frenar;

demora na resposta do sistema;

o carro puxar para um lado ao frear.

Lembre-se que só você e sua equipe poderão avaliar se é necessário a troca de alguma peça do componente, como disco ou pastilhas de freio.

Filtro de ar
Muitas vezes esquecido pelos clientes, os filtros de ar são peças que podem afetar o desempenho do veículo e que necessitam serem trocados de tempos em tempos. Logo, a procura é muito grande, principalmente nas grandes cidades.

Quando entupido, o filtro aumenta o consumo de combustível do automóvel que, consequentemente, perde potência. Tal perda pode causar interrupção no motor. Outro problema é o mau funcionamento do ar-condicionado, que não resfriará o interior do veículo.

Óleo
O carro do consumidor pode ser velho ou novo, mas manter o nível do óleo é essencial para evitar grandes problemas no motor. Esse é um item essencial, sendo sempre necessário trocar ou o completar o compartimento.

Por isso, investir nesse produto é uma boa pedida, por garantir uma grande rotatividade no estoque de sua loja.

Bateria
A bateria é o item que dá toda a energia para o veículo. Porém, por não dar nenhum sinal de que está chegando ao fim, muitas vezes acabam sendo deixadas de lado.

Por durar cerca de 5 anos, mas, por existirem vários carros de vários anos, a procura pelo produto é constante. E, ao menor sinal de que ela esteja morrendo ou terminando, a troca é essencial para o funcionamento do automóvel.

Separe a loja de peças da oficina mecânica
Alguns profissionais preferem vender peças de carro de forma unificada com a oficina para reduzir custos. Mas, talvez seja uma boa opção separar as empresas: uma somente para prestar serviços e outra somente para revenda de peças.

Em alguns casos, a segmentação de uma empresa (serviços/vendas) ajuda a reduzir custos tributários.

É necessário avaliar o caso específico e chegar a uma conclusão sobre o assunto. Caso deseje criar uma loja somente para os produtos, poderá organizá-la melhor, de modo que se torne mais atraente ainda e consiga angariar mais clientes.

A oficina e a loja de peças podem continuar integradas (entretanto, com uma separação mais evidente), no mesmo prédio ou em pontos próximos um do outro. A diferença maior será do ponto de vista jurídico e algumas coisas mudarão para o cliente, que terá que consertar na oficina e comprar na loja, efetuando pagamento em ambientes diferentes.

Antes de optar por essa solução, avalie se realmente vale a pena. Compare os custos tributários e a satisfação dos clientes e decida o que for melhor.

Venda peças de carro antigo
Essa é outra possibilidade para o mecânico. O que é raro é sempre mais caro. Essa é uma das razões para o alto valor do ouro (que é um produto do mercado financeiro) e de outros produtos comerciais.

Caso deseje, o profissional poderá trabalhar com peças de carro que já não estão mais em uso, que não são mais encontrados nas lojas ou que tendem a sair de linha. Os proprietários desses veículos têm muita dor de cabeça quando o assunto é manutenção, pois encontram inúmeras dificuldades em encontrar as peças necessárias para quando ocorrem problemas.

Além do mais, os proprietários sentem dificuldades em passar seus veículos adiante. Não é rara a situação de precisarem comprar as peças em outras cidades ou por meio da internet, gastando muito dinheiro e tempo com isso.

Faça uma pesquisa em sua cidade e em regiões vizinhas sobre a demanda e a oferta de peças de modelos de carro mais antigos. Talvez seja viável colocá-las à venda por preços que ofereçam bons lucros, mas que, ainda assim sejam vantajosos para o cliente.

Compre por menos para vender por mais
Pense sempre em ter um diferencial que atraia os clientes para sua oficina, levando-os a comprar peças e fazer serviços. Um desses diferenciais pode ser o preço mais baixo.

Existem vários sites de distribuidoras que podem oferecer preços que compensam, especialmente se a quantidade for grande. Hoje, já é possível até importar com o auxílio da internet, conseguindo comprar no exterior peças de carro a preços mais baixos que no Brasil.

Também existem empresas que restauram peças velhas e usadas de veículo, tornando-as tão eficientes quanto as novas. O profissional pode entrar em contato para negociar uma compra em grande quantidade mais barata para revender o produto na oficina mecânica.

O importante é comprar peças de boa qualidade por preços baixos e revendê-las — com lucros — para os clientes. No entanto, é importante que os preços de revenda proporcionem ganho ao mesmo tempo que sejam competitivos. Ou seja, é recomendável que os preços estejam preferencialmente na média do mercado local ou um pouco abaixo dela.

Ofereça promoções para os clientes
Outro modo de conseguir mais vendas para suas peças de carro é oferecendo promoções. Se os serviços da oficina se integram aos de venda em um mesmo negócio, o mecânico pode oferecer descontos na venda de peças caso os serviços sejam realizados lá ou vice-versa.

Alguns acessórios mais simples podem até ser oferecidos sem custo algum para o cliente, agregando mais valor ao serviço. Outro método é determinar uma cota a ser gasta pelo cliente em sua oficina. Ele, em contra partida, ganhará algum serviço ou desconto especial.

É importante saber ser flexível e aproveitar todas as oportunidades de cativar os clientes. No entanto, é preciso, ainda, criar promoções que sejam realmente atraentes, podendo envolver serviços e vendas, somente serviços ou somente vendas. Seja como for, quando o cliente sente que foi vantajoso negociar na oficina, ele sempre pensará na possibilidade de voltar a ela.

O que achou de nossas dicas para ganhar dinheiro com peças de carros mais procuradas? Já conhece os produtos da Distribuidora Tonini? Aproveite e entre em contato com empresa!